MAQUININHA LELECO
Cuiabá

Cães farejadores foram primordiais na localização de idoso que faria aniversário neste domingo na Capital

Cães farejadores foram primordiais para a localização do corpo do idoso Isael Lourenço, encontrado em uma região de mata perto da Avenida Historiador Rubens de Mendonça, popularmente conhecida como Avenida do CPA, em Cuiabá, na manhã deste domingo (29), data em que faria aniversário de 81 anos.

29/09/2019 17h34
Por: Redação Hora News MT
Fonte: Olhar Direto
167
Foto: PM-MT
Foto: PM-MT

Cães farejadores foram primordiais para a localização do corpo do idoso Isael Lourenço, encontrado em uma região de mata perto da Avenida Historiador Rubens de Mendonça, popularmente conhecida como Avenida do CPA, em Cuiabá, na manhã deste domingo (29), data em que faria aniversário de 81 anos. Ele havia desaparecido há dez dias, depois de ter saído de casa para ir a um supermercado. 

O filho do idoso, Nilton Lourenço, contou que durante a divulgação do desaparecimento do pai, uma pessoa se sensibilizou com o caso e ofereceu alguns cães farejadores para ajudar nas buscas.

Tudo indicava que o idoso teria passado pela região da Morada da Serra, inclusive na quinta-feira (26), policiais da Delegacia de Homicídio e Proteção a Pessoa (DHPP) estiveram no Parque Estadual Massairo Okamura, buscando informações que pudessem levar ao paradeiro de Isael.

“A gente tinha ligações telefônicas que estavam convergindo para a região da Morada do Ouro. A gente, família, Polícia, já tinhamos feito buscas em alguns lugares, mas tinha algumas regiões de mata que ainda não tinhamos ido. Domingo passado a gente fez uma busca com cães em uma região. Há dois dias uma pessoa que se sensibilizou com o caso ofereceu os cães dele e a gente fez um passeio e deu indícios que ele passou por ali [Morada do Ouro]”, relatou.

“Não conseguimos avançar e pedimos apoio dos Bombeiros para hoje de manhã. Eu e meu irmão estávamos acompanhando e deu positivo, encontramos o corpo já falecido”, acrescentou.

Não foram encontrados sinais de violência no corpo de Isael. O exame de necropsia do Instituto Médico Legal (IML) deverá apontar a causa da morte. Ainda não há informações sobre o velório e sepultamento do idoso.

O desaparecimento 

Conforme noticiado , Isael costumava caminhar e ir a vários lugares sozinhos, sempre com documento de identificação e o celular. Uma pessoa ligou para a polícia afirmando ter visto o idoso na região do CPA. “Nós recebemos essa informação e fomos atrás das câmeras da Semob. Vimos ele atravessando a rua por volta das 11h39. É a última informação que temos dele”, diz.

A família foi até o supermercado para tentar encontrar alguma informação que pudesse levar ao paradeiro do idoso. “Todos falam muito bem dele lá. Ele costumava ir sempre no BigLar tomar um café e conversar com as pessoas. Todos lá me passaram informações, mas infelizmente investigação é só com a polícia. O que podemos fazer é ir atrás de pistas. Andar pelas ruas tentando encontrar alguma informação sobre ele”, afirma Elio.

O supermercado BigLar chegou a emitir um comunicado na tarde desta segunda-feira (23), lamentando pelo ocorrido. Afirmou também pelas imagens de segurança foi possível ver que Isael esteve no supermercado pela última vez no dia 17 de setembro pela manhã.

  • Cães farejadores foram primordiais na localização de idoso que faria aniversário neste domingo na Capital
  • Cães farejadores foram primordiais na localização de idoso que faria aniversário neste domingo na Capital
  • Cães farejadores foram primordiais na localização de idoso que faria aniversário neste domingo na Capital
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.