MAQUININHA LELECO
Malaiada

Após mais de uma hora de negociação, bandidos libertam 30 reféns em clínica odontológica

Criminosos invadiram uma clínica de odontologia (Odontolight), localizada no bairro Jardim Leblon, em Cuiabá e fizeram cerca de 30 pessoas, entre clientes e funcionários reféns, na tarde desta quinta-feira (12).

12/09/2019 19h51
Por: Redação Hora News MT
Fonte: Olhar Direto
157
Foto: Fabiana Mendes/Olhar Direto
Foto: Fabiana Mendes/Olhar Direto

Criminosos invadiram uma clínica de odontologia (Odontolight), localizada no bairro Jardim Leblon, em Cuiabá e fizeram cerca de 30 pessoas, entre clientes e funcionários reféns, na tarde desta quinta-feira (12). Diversas viaturas foram até o local e cercaram o imóvel. De acordo com a Polícia Militar, os três suspeitos exigiram a presença da imprensa e da mãe de um deles para libertar os reféns. A negociação durou cerca de uma hora e niguém ficou ferido.

De acordo com o proprietário da clinica, os criminosos agiram com bastante violência e ameaçavam atirar o tempo todo. “Eles chegaram e já anunciaram o assalto, sem capuz nem nada como se fosse um bang bang. Estavam muito valentões porque estavam todos armados. Eles colocaram a arma na cabeça das pessoas e ficavam apavorando dizendo que iriam matar”, diz.

A PM foi acionada por vizinhos que perceberam a movimentação na clínica. Ainda de acordo com as informações, no momento em que o trio se preparava para deixar o local, eles avistaram a polícia do lado de fora e começaram a ameaçar todas as vítimas no interior da clínica. “Ele falou quem é o cagueta? Ajoelha todo mundo que eu vou matar aqui agora”, conta o empresário. 

A Polícia Militar conduziu a negociação de forma rápida e fez com que os três criminosos se entregassem. Eles foram conduzidos para a Central de Flagrantes para os procedimentos que o caso requer.

 

  • Após mais de uma hora de negociação, bandidos libertam 30 reféns em clínica odontológica
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.