Terça, 19 de Outubro de 2021
°

-

Geral Queda no Pantanal

Médico morre 47 dias após sofrer acidente aéreo em MT

O médico George da Costa Melo, 39 anos, morreu neste sábado (25), 47 após sofrer um acidente aéreo na região do Pantanal, em Poconé (104 km ao Sul de Cuiabá).

25/09/2021 às 21h17 Atualizada em 25/09/2021 às 21h31
Por: Leandro Campos Fonte: Gazeta Digital
Compartilhe:
Reprodução/Corpo de Bombeiros
Reprodução/Corpo de Bombeiros

O médico George da Costa Melo, 39 anos, morreu neste sábado (25), 47 após sofrer um acidente aéreo na região do Pantanal, em Poconé (104 km ao Sul de Cuiabá). Ele deixa esposa, três filhos, mãe e irmãos.

O acidente aconteceu no dia 8 de agosto, enquanto o servidor e outros amigos voltavam de uma pescaria. Na ocasião, George foi socorrido de helicóptero em estado grave e precisou realizar uma cirurgia de emergência para tratar de um traumatismo craniano e um corte profundo na região do abdômen.

O procedimento foi realizado no Hospital Municipal de Cuiabá (HMC), onde o médico estava em observação na Unidade Terapia Intensiva (UTI). Após quase dois meses, o servidor não resistiu.

George era diretor técnico da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Ipase, em Várzea Grande, mas iniciou sua carreira na UPA Pascoal Ramos e também trabalhou na Policlínica do Verdão, em Cuiabá, onde fez muitos amigos e era admirado por ser um profissional dedicado e humano. Antigos colegas de trabalho inclusive faziam correntes de oração, que eram transmitidas em chamadas de vídeo para o médico, enquanto estava internado.

O prefeito Emanuel Pinheiro lamentou a morte do médico. “Com profunda tristeza recebi a notícia da morte precoce deste jovem médico, o doutor George, uma pessoa que, durante sua passagem pela saúde pública de Cuiabá, prestou grandes serviços, ajudou a salvar vidas, agiu com humanidade e dedicação. Peço a Deus que ampare e console os corações da mãe, esposa, filhos, demais familiares e amigos neste momento de dor”, disse.

Queda no Pantanal

O acidente aconteceu por volta das 7h30, nas imediações do bairro São Benedito. Na sequência, A Polícia Militar recebeu um chamado relatando à queda da aeronave, próximo à Mineração JR.

No local, o piloto contou que o grupo seguia no sentido Porto Jofre – Cuiabá, quando percebeu falta de combustível. Ele tentou retornar à Poconé, mas foi necessário realizar um pouso forçado na região. No avião, estavam outras duas pessoas que foram socorridas com ferimentos leves.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.