Domingo, 26 de Setembro de 2021
°

-

Polícia Sorriso

Depois de perseguir ex-mulher pelas redes sociais e descumprir medida protetiva, homem é preso pela Polícia Civil

O crime de stalking é definido como perseguição reiterada, por qualquer meio, como a internet (cyberstalking), que ameaça a integridade física e psicológica,

26/08/2021 às 19h42
Por: Leandro Campos Fonte: Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT
Compartilhe:
Foto: Hora News MT
Foto: Hora News MT

Um homem de 34 anos foi preso nesta quinta-feira (26.08) pela Polícia Civil em Sorriso por descumprir uma medida protetiva de não se aproximar da ex-companheira e também por persegui-la em ambientes virtuais, prática conhecida como stalking.

No mês de junho, a vítima procurou a Delegacia da Polícia Civil em Sorriso e relatou que estava sendo monitorada pelo seu ex-marido por meio do seu celular. Ela disse ainda que sofreu ameaças e solicitou medidas protetivas de urgência.

Entretanto, mesmo após ser notificado da medida protetiva e medidas fixadas pela Justiça, o investigado continuou ameaçando a ex-mulher de diversas formas, perseguindo e difamando a vítima para familiares e amigos, invadindo sua privacidade e continuando a prática de monitorá-la pelo celular da vítima, acessando as redes sociais e sua localização.

Diante da reiteração do ato criminoso e do descumprimento da medida protetiva, o delegado Márcio Henrique Portela representou pela prisão preventiva do investigado, que foi deferida pelo juízo da 2a Vara Criminal de Sorriso.

O crime de stalking é definido como perseguição reiterada, por qualquer meio, como a internet (cyberstalking), que ameaça a integridade física e psicológica, interferindo na liberdade e na privacidade da vítima.

De acordo com a Lei 14.132, sancionada em março deste ano, acrescentou o Artigo 147-A no Código Penal estabelecendo que perseguição deixou se der contravenção penal e passou a ser uma tipificação criminal, com pena prevista de reclusão de seis meses a dois anos, além de multa.

A nova legislação prevê ainda aumento de pena em 50% se o crime é cometido contra criança, adolescente ou idoso e contra mulher por razões de gênero. 

PARTICIPE DO GRUPO NO WHATSAPP DO SITE HORA NEWS MT, E FIQUE BEM INFORMADO EM NOTÍCIAS, VAGAS DE EMPREGO, ÚTILIDADE PÚBLICA E MUITO MAIS! CLIQUE AQUI

SIGA O HORA NEWS MT NO INSTAGRAM, CLIQUE AQUI.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.