Domingo, 25 de Julho de 2021
(65) 9.8455-7418
Polícia Justiça

Homem é condenado a 17 anos de prisão por matar a cunhada a pauladas em MT

Após o crime, o assassino ocultou o cadáver da vítima visando não ser responsabilizado pelo homicídio.

10/07/2021 13h44
Por: Leandro Campos Fonte: G1/MT
Foto: Facebook/Reprodução
Foto: Facebook/Reprodução

Um homem foi condenado pelo tribunal do júri nessa quinta-feira (8) a 17 anos de prisão por feminicídio após matar a cunhada a pauladas e ocultar o corpo em Juína, a 735 km de Cuiabá.

Edimar Mendes Bugari matou Ana Paula Bugari Gonçalves, de 28 anos, a pauladas, na manhã de 29 de junho de 2019, na zona rural de Juína. O condenado agiu com “nítida intenção homicida, com meio cruel e contra mulher por razões da condição de sexo feminino”, desferindo golpes na cabeça da vítima, conforme o Ministério Público Estadual (MPE).

Ciente de que a cunhada iria até a cidade na manhã do crime e conhecedor do trajeto a ser percorrido por ela, Edimar Bugari cruelmente atacou Ana Paula. Após o crime, o assassino ocultou o cadáver da vítima visando não ser responsabilizado pelo homicídio.

À época, o marido de Ana Paula registrou boletim de ocorrência e afirmou que a mulher estava em uma chácara da família e saiu em uma motocicleta para buscar a mãe dela.

No entanto, Ana Paula não chegou até a mãe e nem retornou para a chácara. O marido encontrou a motocicleta dela parada no trajeto. A chave da moto não estava na ignição.

Em depoimento à polícia, Edimar disse que tinha um relacionamento amoroso com Ana Paula e matou a mulher por que ela ameaçava contar pra família sobre o romance.

O corpo foi encontrado na área rural de Juína.

PARTICIPE DO GRUPO NO WHATSAPP DO SITE HORA NEWS MT, E FIQUE BEM INFORMADO EM NOTÍCIAS, VAGAS DE EMPREGO, ÚTILIDADE PÚBLICA E MUITO MAIS! CLIQUE AQUI.

SIGA O HORA NEWS MT NO INSTAGRAM, CLIQUE AQUI.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.