Quinta, 01 de Outubro de 2020
(65) 9.9696-8266
Cidades Celebração

Equipe da Rotam chega de surpresa em festa de aniversário e realiza sonho de menino de 4 anos

Depois da surpresa, feita pelo tenente Chauvin, o sargento Ademir e os cabos Covizzi e Diego, o mais difícil foi fazer o aniversariante parar de falar dos policiais e tirar a farda para dormir

16/09/2020 22h28
Por: Redação Hora News MT Fonte: Alecy Alves | Secom-MT
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

Aos quatro anos, o pequeno Davi Alexander Santos da Costa já repete que quer ser policial militar. Nas ruas, quando se depara com uma guarnição da PM pede aos pais ou a avó, que sempre o acompanha, para ser apresentando aos policiais.

Para a festa de aniversário, realizada nesta terça-feira(15.09), Davi pediu uma decoração inspirada na carreira de policial militar. Atendendo ao pedido do filho,  Walmisley Alexander da Costa Silva e Kellen Cristina Santos Silva decoraram a sala com figuras de policiais militares fardados. Havia até o recorte de um cachorro, que seria o cão farejador empregado em operações policiais, especialmente buscas a drogas.

O pai também mandou fazer um conjunto de farda da PM: calça, gandola e cobertura (boné) especialmente para o filho. O que Davi não contava era com a chegada de uma equipe de policiais do Batalhão Rotam, unidade do policiamento especializado, em sua festa de aniversário.

A surpresa, feita pelo tenente Chauvin, o sargento Ademir e os cabos Covizzi e Diego, realizou o sonho de Davi. O mais difícil depois dessa surpresa foi fazer o aniversariante parar de falar dos policiais e tirar a farda para dormir.

Walmisley conta que o filho só concordou que era hora de dormir e que deveria tirar a farda depois que ouviu a promessa de que poderia voltar a vesti-la para ir ao aniversário da prima, na próxima semana. 

Walmisley conta que nos primeiros anos de vida o filho tinha medo da polícia. Depois, narra o pai, na medida em que foi crescendo e aprendendo com a família que policiais são para fazer a segurança da população, proteger as pessoas e prender bandidos, Davi não só passou a admirar como começou a dizer que “vai ser PM quando crescer”.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.